quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Artigo:Como trabalhar com tecido de malha e saber sua elasticidade




 .
Será que é difícil trabalhar com esse   tipo de tecido ?

O tecido de malha não há segredos para se trabalhar com ele, é um traçado de ( linhas e riscos) muito simples que não requer Penses Recortes  para se ter estabilidade. Porém a única coisa a ser considerada é o quanto de elasticidade encontra na malha, dessa forma é importante saber como verificar sua  porcentagem.

Sabendo disso se a malha possui mais que 20% de elasticidade, para se fazer uma peça ela precisa ser mais justa, você terá que reduzir as medidas do molde até 2 tamanhos, para se ter uma estabilidade ideal  na peça para que fique sem excesso de tecido  ao corpo.


Para se medir quantidade de elasticidade da malha siga essas etapas:
Pegue um pedaço de malha que vai ser utilizada, faça uma marcação de 10cm utilizando uma agulha e marque com a caneta no sentido da trama veja a foto:

Teste de  elástecidade:

Aqui  na 1 foto  a marcação é de 10cm.



 A 2 foto mostra que esticando a malha um pouco, ela chega até 11cm em relação a esses 10%

                                       Então o que fazer?






 Você terá que reduzir no molde 1 cm quando for traçar a modelagem.

Quando for elaborar uma modelagem que seja bidimensional, você precisa entender como é o corpo e suas proporções e medidas.
Que possua duas dimensões: alturas, superfície, profundidade, larguras, graus, extensões, espessuras.  Para entender como a modelagem será feita.
No  mercado existe inúmeros métodos de se traçar a modelagem, como as medidas tendo uma grande variação conforme o segmento das roupas. Exemplo:  moda praia fitness, alfaiataria, sendo em tecidos elásticos ou não.


Os materiais têxteis induz a uma forma de medidas que o corpo requer ou seja através de tabelas de medidas, que é a divisão do corpo.
Apesar de se ter muitas formas de se traçar um molde, mesmo assim deve-se respeitar a sequência  ou seja a leitura das medidas para construção da modelagem, início  e final de cada traçado pois uma  medida leva-se a outra aí irá depender do modelo a ser executado.

Para se fazer a cabeça da manga precisa-se antes construir a cava  no molde.
Para se executar um trabalho de qualidade, modelista  precisa saber ler e interpretar as linhas do corpo para se adaptar as formas da peça, para que sejam confortáveis ao corpo.
Também é essencial que esta profissional domine as técnicas de modelagem e entenda  da anatomia do corpo para se criar uma peça de vestuário.

Para se unir a técnica com a engenharia ou seja ( arte de construção) e função à uma peça a modelista tem que ter conhecimento de como funcione a anatomia do corpo humano para aplicar no vestuário de acordo como a pessoa se movimenta ao se mover.




Todas essas informações habilita o profissional a entender os limites do corpo humano que obedece um padrão baseado em princípios de antimeria  ou seja (que cada uma das duas metades do corpo do mesmo sentido do comprimento  ( de  algo ) para que se poça estruturar uma peça de roupas.

Para se entender de forma adequada o modelista  tem que entender  as variações que são de diferentes aspectos como: ( idade, sexo, raça, biótipo) do corpo de uma jovem de 15 anos para uma senhora de 40 anos é diferente  consequentemente o corpo da  mulher de  40 é  também diferente de uma idosa de 70 anos.


Dessa forma deve-se ter sempre em mãos uma tabela de medidas adequadas ao corpo isso contribui para a construção de uma peça de roupas.
Hoje as industrias elas utilizam diferentes tabelas de medidas.

A modelista tem que ficar atenta, porque a roupa já não é uma forma de só cobrir o corpo mas também de  buscar o conforto, e o público está ligado neste fator de peças bem  elaboradas, confortáveis,  leves e funcionais ao estilo da peça.

Neste artigo deixo  algum conhecimento de como funciona o trabalho com o tecido Malha, espero que gostem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

http://feeds.feedburner.com/AteliDeCosturaNovoVisual